18 ℃

Benedito C.G. Lima

VÁ POETA! (PARA VIRIEN 19/01/07)

Qua, 08 Maio de 2024 | Fonte: Benedito C.G. Lima


Vá o tordilho da esperança
Vá Poeta, tché!
Monte o tordilho da esperança
E atravesse as colinas
Da existência 
E chegue até os prados
Do paraíso!

II

Vá Poeta, tché!
Aproveite a trilha do minuano
E contemple, cá embaixo
A tropilha da poesia
Galopando na sobrevivência.

III

Vá Poeta, tché!
Que não nos esquecemos de ti
Índio velho
Vá Poeta, tché!
Pra estância celestial
A querência está triste mas sua poesia está viva!
Aqui no pantanal!

Correio de Corumbá

SIGA-NOS NO Correio de Corumbá no Google News

 
 
 

Veja Também

“SOU ARGONAUTA DAS LETRAS”

Perambulo nos encontramos do caos reinante. Busco a sonhadora Paz do viajante. Nada encontro quando me aparto no desconhecido. Sou viajor sem bússola.Vago se...

“A POESIA É ETERNA”

A Poesia é eterna Como eterno é o teu sorriso Como eterno É o paraíso. A poesia é pura e sincera Como puro e sincero é o meu amor por ti. Sou um louco poeta ...

“MOSTRA TUA CARA”

Negro Mostra Tua Cara Negra Na Cidade Branca Recorte o Morro Com seu Poema E Rendilhe As Fímbrias Do Céu Pantaneiro Com seu Verso  Arteneiro!

VARAL DE POEMAS

Lá está no meioAlheio varal de poemasFeito seriemas no campoDando adeusNa carona do vento