22 ℃

Rosildo Barcellos

A RECOMPENSA QUE NOS ESPERA

Dom, 19 Maio de 2024 | Fonte: Rosildo Barcellos


A RECOMPENSA QUE NOS ESPERAÉ cediço que desde que nosso dia se inicia, as nossas tentações abrem o apetite. Desde a vontade de ficar na cama cinco minutos a mais, ou a vontade de discutir com alguém no trânsito, ou o interesse de seu namorado, mesmo sabendo que ele fez e viveu situações que nenhum homem viveria por ti. Mas como resistir a um doce saboroso. Ou bloquear um contato apenas para causar tristeza na outra pessoa, ou demonstrar  sua ingratidão. Postar uma foto apenas pra ver os comentários. E porque esquecer a ajuda em momentos difíceis da sua vida, e que hoje não te valem um “Bom Dia”. Porque abrir a lata de cerveja e oferecer  sabendo que a pessoa vai dirigir  logo depois? E porque não esperar mais um pouco para fazer o trabalho da faculdade, aqueles exercícios de física, de adicionar um novo contato no WhattsApp ou mesmo ir para uma academia, ou fazer uma caminhada? Porque não responder recados  e atender as ligações, ou o pior prometer sabendo  que não vai cumprir.  

Percebo que,muito disso está vinculado a educação recebida dos pais. Não faz sentido os pais tentarem ensinar algo aos filhos que eles mesmos não praticam. Somos espelhos de nossas famílias. Mas um detalhe que passa sempre despercebido por muitos pais é que há a imperiosidade de se ensinar desde tenra idade a importância de não dar tanta importância às recompensas de curto prazo.   

Aliás este tema já foi muito debatido e existe um conhecido teste denominado  teste do marshmallow, idealizado e realizado pelo psicólogo Walter Mischel e que comprova de uma maneira simples mais muito interessante a referida tese. Eis que no final dos anos 60, o sobredito profissional realizou um estudo na Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, com o intuito de testar a capacidade das pessoas de adiar seus recôndidos desejos.  

O pesquisador Mischel recrutou crianças de diversas idades (entre 4 a 6 anos) e as colocou num quarto, sentadas de frente para uma mesa com um prato de marshmallow. Explicou para as crianças que poderiam comer o marshmallow na hora, ou esperar um pouco mais e ganhar dois. A reação de cada uma delas foi registrada por câmeras ocultas. O objetivo inicial do psicólogo era medir quanto tempo cada criança conseguiria resistir ao impulso de comer o doce.  

O experimento observou inicialmente que alguns dos pequenos tinham autocontrole e não comiam o doce imediatamente e a variação do tempo que conseguiam se controlar foi anotada. Após alguns anos, foi observado que as crianças que mais tiveram autocontrole se tornaram pessoas adultas com um relativo sucesso tanto profissional quanto pessoal. Claro que questões genéticas, orientação religiosa, culturais e educacionais estavam pesando na balança; mas algumas crianças não avançaram no doce, resistindo ao seu ímpeto.  

Ouso afirmar que a educação de nossos filhos é uma tarefa simples. Embora simples não signifique ... fácil. O Brasil continua abaixo da média internacional dos pilares de leitura,atrás de países como Chile e Trinidad e Tobago. Se for exemplificar com situações tristes, muitos pacientes perderam a continuidade do tratamento de doenças crônicas como, por exemplo, o diabetes, que é uma das principais causas de amputação de membros inferiores numa média de 66 pacientes por dia.  E o Covid voltando? Pode piorar se continuarmos nos comunicando apenas por e-mails e por mensagens de celular cheias de abreviaturas. Dispensando-se  o auto cuidado e do cuidado ao próximo. Depende de nós sermos imediatistas e comermos apenas um marshmallow ou saber esperar, redimir dos erros,vencer as tentações,ter confiabilidade, adquirir experiência de vida e ganhar os dois marshmallows; entre outros presentes deliciosos, se soubermos esperar e ter tenacidade pra vencer os testes da vida. 
*Articulista
 

Correio de Corumbá

SIGA-NOS NO Correio de Corumbá no Google News

 
 
 

Veja Também

MÚSICA, O CERNE DA VIDA

Se de repente alguém lhe pedisse para  definir o que a música significa para você em apenas algumas palavras, aposto que seria muito difícil, certo? Uma músi...

TRANSPORTE INTERMUNICIPAL

Considerando que a regulação e a fiscalização das atividades de fretamento passaram a exigir mecanismos de controle mais eficientes com vistas a assegurar su...

CHICÃO CASTRO

Ei paixão! Você que vem assim tal qual afluente sem fim, vem forte como um rio que leva nossas mágoas, mas traz saudades, faz maldades e esmaga o peito num e...

MAIO AMARELO

Durante todo o transcorrer do mês, o Brasil e o mundo estão mobilizados em mais uma edição do “Maio Amarelo” – um movimento internacional em prol da seguranç...

Últimas Notícias