36 ℃

Geral

Centrais querem a proteção dos trabalhadores das Lojas Americanas

Se os indícios de fraude forem provados, os culpados devem ser punidos, mas a empresa e os empregos precisam ser preservados

Qua, 08 Fevereiro de 2023 | Fonte: Da Assessoria


As centrais sindicais unificadas em reunião com o ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho, esta semana em São Paulo, discutiram o processo de recuperação judicial do Grupo Americanas e reforçaram a necessidade de garantia dos empregos e dos direitos dos mais de 44 mil trabalhadores diretos e de centenas de milhares de trabalhadores de toda a rede de fornecedores.

Centrais querem a proteção dos  trabalhadores das Lojas Americanas
José Lucas da Silva - coordenador da CSB-MS

“Não podemos permitir que os trabalhadores, pais de família, tenham prejuízos por conta dos problemas que o grupo gerou no Brasil. É preciso garantir a manutenção de todos os seus direitos”, afirmou o coordenador regional da Central dos Sindicatos Brasileiros – CSB, em Mato Grosso do Sul, José Lucas da Silva, presidente da Feintramag MS/MT.

Segundo ele, de acordo com nota divulgado pelas centrais (CSB, CUT, Força Sindical, UGT, CTB e NCST ) a atividade econômica, as empresas e os empregos tem que ser preservados independente das responsabilidades dos executivos, controladores e acionistas relevantes do Grupo Americanas, que ainda estão sendo apuradas.

Se os indícios de fraude forem provados, os culpados devem ser punidos, mas a empresa e os empregos precisam ser preservados.

Por esses motivos, as centrais solicitaram ao Ministro do Trabalho e Emprego que o Governo participe diretamente do processo com o objetivo de estabelecer diálogo tripartite e total transparência neste que é um dos maiores processos de recuperação empresarial do país.

Diante da gravidade do problema, as centrais sindicais unificadas convocam toda a sociedade para o ato no dia 03 de fevereiro (sexta-feira), às 10 horas, na Cinelândia no Rio de Janeiro (RJ).

Correio de Corumbá

SIGA-NOS NO Correio de Corumbá no Google News

 
 
 

Veja Também

BNDES lança edital de novo concurso com 150 vagas para o Rio de Janeiro

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) lança o edital do novo concurso público para o segundo semestre de 2024. Apesar das vagas sere...

MPF acompanha e monitora conflito agrário em Douradina

Desde o último domingo (14), quando teve início o conflito entre indígenas Guarani e Kaiowá da comunidade Panambi Lagoa Rica, localizada no município de Dour...

Prêmio Sebrae Mulher de Negócios: Inscrições abertas para etapa estadual

Estão abertas as inscrições para a etapa estadual em Mato Grosso do Sul do Prêmio Sebrae Mulher de Negócios (PSMN). As interessadas têm até o dia 30 de julho...

Últimas Notícias