26 ℃

Economia

Indústria registra avanço do emprego e das horas trabalhadas na produção, diz CNI

Indicadores industriais relativos ao mês de janeiro também mostram alta da massa salarial na comparação com dezembro de 2022. No entanto, houve queda no faturamento real das empresas

Qua, 08 Março de 2023 | Fonte: Da Assessoria


A indústria de transformação registrou alta do emprego, da massa salarial e da quantidade de horas trabalhadas na produção em janeiro deste ano na comparação com dezembro de 2022. Por outro lado, houve recuo no faturamento real das empresas industriais e no rendimento médio dos trabalhadores. Essas são as principais conclusões da pesquisa Indicadores Industriais, divulgada nesta quarta-feira (8) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

A indústria também inicia 2023 com os indicadores em um patamar superior ao começo do ano passado. De acordo com os dados, houve avanço em relação a janeiro de 2022 nos índices de emprego, horas trabalhadas, massa salarial e rendimento médio do trabalhador. No entanto, o indicador de faturamento apresentou queda de 1,1% e a utilização da capacidade instalada recuou 1,5 ponto percentual.

De acordo com a economista da CNI Larissa Nocko, a indústria de transformação apresenta, em linhas gerais, uma posição melhor na comparação entre o começo de 2023 e de 2022. “A pesquisa mostra um fôlego relacionado ao mercado de trabalho, mas ao mesmo tempo um recuo do faturamento real das empresas. A alta no emprego vem associada ao aumento do número de horas trabalhadas na produção, o que mostra um certo nível de aquecimento da atividade industrial”, destaca a economista da CNI Larissa Nocko.

Os Indicadores Industriais identificam, mensalmente, a evolução de curto prazo da atividade industrial, mais especificamente da indústria de transformação. A pesquisa conjuntural indica o comportamento efetivo da atividade industrial por meio de variáveis como faturamento, emprego, remuneração e utilização da capacidade instalada. A pesquisa teve início em 1992 e os estados pesquisados respondem por mais de 90% do produto industrial brasileiro.

Faturamento cai pelo quinto mês

Os dados apontam queda de 0,9% no faturamento real da indústria em janeiro na comparação com dezembro, na série livre de efeitos sazonais. Já em relação ao primeiro mês de 2022, o recuo foi de 1,1%. Os Indicadores Industriais mostram também uma redução de 0,3% no rendimento médio real dos trabalhadores da indústria em relação a dezembro. Apesar dessa queda, o índice acumula alta de 6,6% desde janeiro de 2022.

Alta no emprego e massa salarial no acumulado de um ano

O emprego industrial, que registrou nos últimos cinco meses relativa estabilidade, teve alta de 1,0% na comparação com janeiro do ano passado. Já a massa salarial, que cresceu 1,5% em relação a dezembro de 2022, acumula aumento de 7,8% desde janeiro do ano passado. As horas trabalhadas, por sua vez, tiveram crescimento mensal de 0,5% e anual, de 3,2%.

Uso da capacidade instalada recua 1,5 ponto em um ano 

A pesquisa revela, ainda, que a Utilização da Capacidade Instalada (UCI) permaneceu estável em janeiro na comparação com dezembro de 2022, com 79,7% na série livre de efeitos sazonais. O indicador recuou 1,5 ponto percentual na comparação com o mês de janeiro do ano passado.

Correio de Corumbá

SIGA-NOS NO Correio de Corumbá no Google News

 
 
 

Veja Também

CNI manifesta profundo pesar pelo falecimento da jornalista Glória Maria

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) manifesta profundo pesar pelo falecimento da jornalista Glória Maria, ocorrido nesta quinta-feira (2), e se solida...

Expectativas dos empresários na economia e na empresa elevam índice de confiança

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) da Confederação Nacional da Indústria (CNI) avançou dois pontos entre janeiro e fevereiro e registrou 5...

CIN/MS está com inscrições abertas para capacitação em Operações e Conceitos do Comércio Exterior

Com o objetivo de conhecer o comércio exterior e adquirir visão para iniciar operações internacionais nas empresas, o CIN/MS (Centro Internacional de Negócio...

Confiança da indústria melhora entre os setores industriais em fevereiro

A confiança avançou em 21 de 29 setores consultados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) em fevereiro de 2023 em relação a janeiro deste ano. Com es...

Últimas Notícias