36 ℃

Geral

Democratas entregam à família ato que anistia e restaura direitos de Fausto Matto Grosso

"Para ninguém esquecer o que aconteceu e para que nunca mais aconteça", frisa Laírson Palermo, do Comitê Memória, Verdade e Justiça

Seg, 27 Fevereiro de 2023 | Fonte: Edson Moraes


Democratas entregam à família ato que anistia e restaura direitos de Fausto Matto Grosso

Na próxima quinta-feira, 02, um ato de grande relevância histórica será realizado em Campo Grande, na sede do Instituto Histórico e Geográfico (IHGMS), a partir das 19h. Será um ato público que reunirá homens e mulheres comprometidos com a democracia para a entrega do certificado de anistia política do engenheiro e ex-vereador Fausto Matto Grosso Pereira, que faleceu em 1º de junho de 2022.

Entre os anos 1960-70 Fausto era professor universitário do Curso de Engenharia na Universidade Federal (UFMS) e teve sua função cassada pela ditadura militar, devido ao seu intenso ativismo na luta pela redemocratização do País. Militante da Ação Popular e do Partido Comunista Brasileiro (PCB), dedicou sua vida aos movimentos populares e democráticos e à conscientização das novas gerações sobre a importância da liberdade.

Democratas entregam à família ato que anistia e restaura direitos de Fausto Matto Grosso
O advogado Laírson Palermo e a médica Maria Augusta, viúva de Fausto Mato Grosso, com a portaria que anistiou o ex-vereador

Depois da redemocratização e ao cabo de um longo processo pelo reconhecimento dos direitos suprimidos pelas cassações político-ideológicas, finalmente Fausto Matto Grosso teve sua anistia política oficializada. O trabalho da Comissão da Verdade, criada para identificar os crimes e restaurar os direitos das vítimas atingidas pelo regime ditatorial, foi decisivo para esse reconhecimento. 

VITÓRIA DOS DEMOCRATAS - Representante da Comissão Nacional da Verdade em Mato Grosso do Sul, o advogado Laírson Palermo, que é membro do Comitê Memória,Verdade e Justiça/MS(da Rede Brasil Memória,Verdade e Justiça), comentou assim esta histórica vitória obtida pelos democratas:

"Na condição de advogado da médica Maria Augusta Rahe, viúva e companheira do saúdoso Fausto Matto Grosso, conseguimos com sucesso a portaria que veio ratificaa a sua anistia política. Fausto foi militante da Ação Popular e depois do PCB, exercendo sua militância na resistência à ditadura militar. Por isto, foi cassado na função de professor do Curso de Engenharia na Universidade Federal de Mato Grosso (a UFMT, hoje UFMS)". 

E acrescentou: "Nosso Comitê Memória,Verdade e Justiça vai realizar o ato público para entregar a portaria anistiadora aos familiares do Fausto. O documento que reconhece oficialmente sua condição de anistiado político é o reconhecimento do Estado Brasileiro das violações de seus direitos. É um ato não só de afirmação jurídica, mas de simbolismo vivo para que ninguém não se esqueça de tudo que aconteceu e para que nunca mais aconteça".

Engenheiro civil e professor do Curso de Engenharia na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Francisco Fausto Matto Grosso Pereira foi também atuante vereador (MDB e PCB), secretário estadual de Planejamento e de Ciência e Tecnologia, palestrante, escritor e articulista de veículos de comunicação. Morreu em 1º de junho de 2022, aos 73 anos.  

INFORMAÇÕES
Evento: Ato Público Anistia Política de Fausto Matto Grosso
Quando: 02 de março de 2023
Onde: Instituto Histórico e Geográfico de MS
Horário: 19 horas
Endereço: Esplanada dos Ferroviários
Campo Grande-MS

Correio de Corumbá

SIGA-NOS NO Correio de Corumbá no Google News

 
 
 

Veja Também

PROFESSOR FAUSTO MATTO GROSSO: REPARAÇÃO JUSTA E MERECIDA

Nesta quinta-feira, 2 de março, o IHGMS sedia ato de reparação, de desagravo à memória do Engenheiro e Professor Francisco Fausto Matto Grosso Pereira, docen...

MDHC anuncia semana pela recuperação da memória, verdade e justiça

O Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania (MDHC) lançou um selo, nesta sexta-feira (24/3), em alusão à "Semana do Nunca Mais" – período dedicado à pre...

Últimas Notícias