31 ℃

Polícia

Cuidadora de idosos denuncia homem que mantinha a mãe de 80 anos presa em casa

Mulher era maltratada pelo filho e tinha água e comida racionadas

Ter, 27 Dezembro de 2022 | Fonte: Redação Midiamax


Cuidadora de idosos denuncia homem que mantinha a mãe de 80 anos presa em casa

Um homem de 61 anos foi preso em flagrante por maltratar a própria mãe, de 80 anos, e mantê-la presa dentro de casa. A prisão aconteceu nesta terça-feira (27) em Coumbá, depois que uma cuidadora de idosos denunciou o homem à polícia.

De acordo com o relato da profissional, ela presenciou várias situações de maus tratos entre os dias 13 e 21 de dezembro, período que foi contratada para ajudar a cuidar da idosa. Ela conseguiu contato com outra filha da vítima e informou o que havia presenciado.

A idosa era mantida presa, tinha água e comida racionadas pelo filho e era alimentada fora dos horários e às vezes com comida vencida. Ele ameaçava a mãe com gritos, xingamentos e facas grandes espalhadas pelos cômodos da casa, além de retirar a bateria do celular dela para impedir o contato com os outros filhos.
 
Segundo a cuidadora de idosos, a vítima ainda sofria com o calor, já que o homem não deixava ligar os ventiladores ou ar condicionado da residência, ele também proibia a mãe de assistir televisão e ela só podia sair da residência no dia do pagamento da aposentadoria, mas sempre acompanhada dele, que ficava com o dinheiro.

Preso em flagrante, ele vai responder por maus tratos, sequestro, cárcere privado e por apropriação dos bens da idosa. A vítima ficou sob cuidados de uma filha e o caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil.

Correio de Corumbá

SIGA-NOS NO Correio de Corumbá no Google News

 
 
 

Veja Também

Polícia Federal incinera 400 kg de drogas em Corumbá

A Polícia Federal realizou, na manhã desta quarta-feira, 17/7, a incineração de 400 kg de entorpecentes, sendo 300 kg de cocaína e 100 kg maconha. Esta ação ...

Polícia Civil realiza a maior apreensão de drogas da história do município de Maracaju

A Polícia Civil, através da Delegacia de Maracaju, tomou ciência que uma residência localizada no bairro Ilha Bela I estava servindo como ponto de armazename...