21 ℃

Turismo

Voando alto: Observação de aves impulsiona turismo sustentável em Corumbá e região

Empresa Icterus Ecoturismo e Expedições tornou-se referência no turismo sustentável no Pantanal Sul-mato-grossense com o apoio do Sebrae

Seg, 27 Fevereiro de 2023 | Fonte: Assessoria de Imprensa Sebrae/MS


Voando alto: Observação de aves impulsiona turismo sustentável em Corumbá e região
Fotos: Divulgação/Sebrae-MS

A região de Corumbá, no coração do Pantanal, sempre foi um lugar de riquezas naturais, mas foi a observação de aves que despertou o potencial turístico da área para Gabriel Oliveira de Freitas e Rafael Augusto Ducel de Souza, proprietários da Icterus Ecoturismo e Expedições. Com o apoio do Sebrae/MS, por meio do programa Pró Pantanal, o empreendimento tem se destacado, tornando-se referência em turismo sustentável local.

O casal de empreendedores iniciou suas atividades em 2018, após participar de um curso de observação de aves durante o Festival América do Sul Pantanal, evento anual que ocorre em Corumbá, Ladário e Bolívia. Desde então, a empresa vem trabalhando para mapear as melhores rotas para os amantes de aves e, agora, também oferece roteiros imersivos para contemplação da vida selvagem pantaneira.

“A partir disso, nós decidimos trabalhar conduzindo pessoas na prática de observação de aves e começamos o levantamento das espécies aqui na região de Corumbá e Ladário, passando por toda a área rural, Estrada Parque, todas as áreas com potenciais gigantes que ainda não eram aproveitadas ou não eram exploradas para o ecoturismo”, detalhou Gabriel.

No início, o grande desafio foi mapear as espécies de aves e outros animais em cada região que visitavam e posicionar Corumbá como um destino turístico para observação de aves e ecoturismo. Com o tempo, eles foram ampliando seus conhecimentos sobre o território e seus atrativos, visitando fazendas, conhecendo outros pontos turísticos e montando roteiros para amigos, parentes e demais interessados.

Para tornar-se um empreendimento referência na observação de vida selvagem, os empresários contaram com o apoio do Sebrae/MS, por meio do programa Pró Pantanal. Na ocasião, eles realizaram acompanhamento via Consultoria TURES, voltada para o aprimoramento do empreendimento turístico, o que contribuiu para a estruturação da Icterus. “Aprendemos a nos portar como uma grande empresa antes mesmo de nos tornarmos uma, essa foi a virada de chave. Prestar um serviço artesanal único e de alta qualidade”.

Com o amadurecimento da empresa, segundo Gabriel, eles passaram a oferecer serviços de ecoturismo e expedições não só em Corumbá e Ladário, mas também em Miranda, Aquidauana, Bodoquena e outros locais, abrangendo atividades de imersão na natureza, contemplação e fotografia de vida selvagem.

“Decidimos expandir nossas atividades para o turismo de vida selvagem porque no Pantanal é impossível sair e observar só as aves. No caminho, nós também encontramos macacos, cervos, ariranhas, onças, caititus, antas, tamanduás e outros animais, o que chama muita atenção dos observadores que querem fotografar e contemplar a natureza”, afirmou Gabriel.

Além disso, Gabriel Oliveira destaca que o diferencial da empresa está no conhecimento técnico por serem dois biólogos conduzindo os roteiros e no conhecimento da região como um todo, incluindo a cultura, gastronomia e biodiversidade. O serviço oferecido pela empresa é um pacote completo do que é o Pantanal e a vida do pantaneiro.

“O nosso destaque hoje está no serviço não só relacionado à observação de aves, mas a nossa especialidade no turismo de vida selvagem. Então, saber como fazer e o que fazer na presença dos animais e qual é a melhor forma de observar e fotografar cada um deles, principalmente, tratando-se de grandes mamíferos. E conseguir trazer também esse lado que vai muito além da observação de aves, que também traz a cultura, traz a gastronomia, traz toda biodiversidade pantaneira”, ressaltou Gabriel.

Voando alto: Observação de aves impulsiona turismo sustentável em Corumbá e região

Compromisso social e ambiental

Quanto aos impactos sociais e ambientais, a empresa tem trabalhos em parceria com a comunidade local desde a criação da empresa, incluindo atividades como visitas guiadas com café da manhã, almoço e outras ações que geram retorno para a comunidade.

“Temos trabalhos que desenvolvemos há anos, desde quando a nossa empresa surgiu, na comunidade da Área de Proteção Ambiental (APA) Baía Negra, em Ladário. Lá foi nosso berço e nossa escola, foi o primeiro lugar em que nós pensamos em guiar turistas na observação de aves, onde tem uma comunidade local e sempre que fazemos nossas atividades e roteiros nessa região incluímos os moradores nas atividades”, contou Gabriel.

Hoje em dia, a empresa participa de diversos projetos de educação ambiental, que envolvem desde observações de aves até a conscientização sobre os incêndios e palestras sobre a fauna e o turismo de vida selvagem. Os proprietários da Icterus Ecoturismo e Expedições acreditam que a proteção da biodiversidade depende do conhecimento e encantamento das pessoas, e o seu trabalho é justamente apresentar a biodiversidade da região para que os turistas tenham vontade de protegê-la.

Planos para o futuro

A Icterus Ecoturismo e Expedições anunciou um cruzeiro LGBTQI+ para contemplação do Pantanal, com lançamento programado para ainda este ano. O objetivo é criar um espaço onde as pessoas da comunidade LGBTQI+ possam se sentir seguras. Gabriel acredita que esse é o primeiro passo para a disseminação do respeito à diversidade e do cuidado com o meio ambiente. Além do cruzeiro, eles também estão trabalhando em outros produtos para o turismo de vida selvagem na região, como novas expedições, destinos conjugados com a Bolívia e viagens para conhecer outros biomas do Brasil.

“A ideia de um produto voltado ao público LGBTQIA+ veio desde o princípio, quando eu e o Rafael começamos a pensar no turismo e no ecoturismo do Pantanal, onde nós, como além de uma empresa, também somos um casal, e às vezes sentíamos uma falta de cuidado, não ficávamos à vontade em determinado ambiente ou situação. Então, decidimos que o cruzeiro seria uma ótima oportunidade de criar essa experiência, em um espaço seguro e acolhedor”, disse Gabriel.

A busca por inovação e novidades tem sido a tônica dos empreendedores do setor, que buscam oferecer experiências cada vez mais únicas aos turistas. “Nós sempre buscamos investir em inovação, principalmente, em serviços e produtos que ninguém está oferecendo ainda. A nossa missão é trazer experiências únicas aos turistas e, para isso, sempre testamos e buscamos qualificar nossos serviços. Mas, posso garantir que todos os anos nós temos novidades para apresentar”, explica Gabriel.

Acompanhe o trabalho da empresa no Instagram @icterus.ecoturismo e também pelo site icterusecoturismo.com/.

Sobre o Pró Pantanal

O Pró Pantanal – Programa de Apoio à Recuperação Econômica do Bioma Pantanal é uma iniciativa do Sebrae para fomentar atividades econômicas nos eixos do turismo, da economia criativa e do agronegócio existentes no Pantanal.

O programa tem apoio da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Federação das Associações Empresariais de Mato Grosso do Sul (FAEMS), Instituto do Meio Ambiente de MS (Imasul) e Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Semadesc).

Para obter mais informações sobre o programa Pró Pantanal e suas ações, fale com o Sebrae pelo número 0800 570 0800.

Correio de Corumbá

SIGA-NOS NO Correio de Corumbá no Google News

 
 
 

Veja Também

Sebrae/MS apresenta principais ações para apoiar pequenos negócios em 2023

Na presença de autoridades, parceiros e imprensa, o Sebrae/MS, acompanhado do Conselho Deliberativo Estadual, apresentou, na manhã desta segunda-feira (30) e...

Empreendedoras têm até 15 de março para se inscrever no Sebrae Delas

Até o dia 15 de março, estão abertas as inscrições para mais um ciclo do programa Sebrae Delas – Desenvolvendo Empreendedoras Líderes Apaixonadas pelo Sucess...

Centro Sebrae Pantanal está com inscrições abertas para cursos em março

No mês de março, o Centro Sebrae Pantanal receberá diferentes eventos com temáticas voltadas para o desenvolvimento dos pequenos negócios da região de Corumb...