20 ℃

Política

Coeso, grupo de vereadores defende diálogo visando eleição para prefeito em 2024

Bira observou que os representantes da Casa de Leis estão preocupados com o futuro de Corumbá, e que por isso mesmo, iniciaram conversações com a classe política para tratar, discutir assuntos relacionados às eleições de 2024.

Qui, 23 Março de 2023 | Fonte: Assessoria Câmara


Coeso, grupo de vereadores defende diálogo visando eleição para prefeito em 2024
Divulgação

A eleição para prefeito em Corumbá em 2024, foi o principal assunto tratado durante encontro de vereadores corumbaenses com o governador Eduardo Riedel, ocorrido nesta quinta-feira, 23, em Campo Grande. 

A agenda foi marcada pelos representantes do Legislativo corumbaense, para tratar de questões relacionadas à cidade de Corumbá, além de mostrar ao governador a preocupação em relação ao processo eleitoral de 2024.

O encontro foi no gabinete do governador Riedel e contou com as presenças dos vereadores Ubiratan Canhete de Campos Filho (Bira), presidente da Câmara Municipal; Luciano Costa, Elinho Junior, Alexandre Vasconcellos e Nelsinho Dib. 

Participaram da agenda os secretários estaduais Eduardo Rocha, da Casa Civil, e Pedro Caravina, de Governo, bem como o Assessor Especial do Interior, Eder Uilson França Lima (Tuta).

“Foi uma agenda bastante proveitosa”, avaliou o presidente da Câmara, vereador Bira. “Tratamos de vários assuntos, todos ligados a Corumbá, como novos investimentos do Governo do Estado em  nossa região, e também de questões políticas, entre elas, as eleições do próximo ano”, informou.

Bira observou que os representantes da Casa de Leis estão preocupados com o futuro de Corumbá, e que por isso mesmo, iniciaram conversações com a classe política para tratar, discutir assuntos relacionados às eleições de 2024.

“Hoje, na Câmara, existem pré-candidatos a prefeito da nossa cidade, e estamos trabalhando para que o novo prefeito saia de dentro do Poder Legislativo corumbaense”, acrescentou Bira.

“O governador deixou claro que ainda é muito cedo para falar em nomes, mas que vê com bons olhos a nossa união, a nossa preocupação com o processo eleitoral, o trabalho que estamos fazendo, despidos de vaidades, na buscar por um nome de consenso. Estamos iniciando um trabalho e outros vereadores devem fortalecer esse grupo”, prosseguiu.

CANDIDATO DA CÂMARA

Além do encontro com o governador, o grupo de vereadores vai agendar outras reuniões com deputados, com a classe política corumbaense, enfim, com a sociedade local, para tratar do tema. “Estamos abertos às conversações, dialogar com todas as classes. Queremos dessa forma, viabilizar um nome de consenso dentro da própria Câmara, para comandar Corumbá a partir de 2025”, concluiu Bira.

Luciano Costa elogiou a iniciativa e afirmou que a criação desse grupo, que pode ser reforçado por outros vereadores nos próximos dias, “é muito importante para mostrar à população que, aqui dentro dessa Casa de Leis, existem pessoas comprometidas, que conhecem a fundo todos os anseios da população”, avaliou.

O vereador acredita na construção de um projeto de políticas públicas de gestão por competência. “Na Câmara existem vereadores aptos e competentes para montar um grande projeto, mostrar para população de Corumbá, e, aí sim, escolhermos o nosso pré-candidato a prefeito”, finalizou.

Alexandre Vasconcellos também considera extremamente importante, um amplo debate da classe política com representantes dos mais diversos segmentos da sociedade e com a população em geral. “O momento é oportuno para construir um cenário político promissor, a partir de novas lideranças, com intuito de fazer de Corumbá, um polo de oportunidades. Corumbá tem pressa!”, salientou.

Nelsinho Dib, outro integrante do grupo, disse que “é necessário debater, discutir o tema não só com a classe política, mas com a sociedade corumbaense como um todo, com a população. Esse grupo está fazendo isso. Vamos avançar e tratar com carinho dessa questão, para que tenhamos um pré-candidato de consenso.”, argumentou.

Elinho Junior acrescentou que “o momento político de Corumbá precisa ser de diálogo, empatia, sem vaidades e sem imposições”, e que hoje, dentro do Poder Legislativo, existem pré-candidatos “com capacidade absoluta de administrar a cidade, e essa união que hoje existe, tem uma única intenção que é o melhor para a nossa querida Corumbá, o melhor para o coletivo, e nunca individualmente! Ser político, ser gestor, ser humano é pensar e trabalhar pelo coletivo, por todos”, acrescentou.

Correio de Corumbá

SIGA-NOS NO Correio de Corumbá no Google News

 
 
 

Veja Também

Apresentado na Câmara, Projeto de Lei que prevê atenção especial a animais soltos pelas ruas

O vereador Yussef Salla apresentou esta semana na Câmara, um projeto de lei que dispõe sobre o animal comunitário, estabelecendo normas para sua permanência ...

Comissão de Saúde da Câmara de Corumbá pede informações sobre medicamentos distribuídos à população

A Comissão de Saúde e Assistência Social da Câmara Municipal de Corumbá, está encaminhando nesta quarta-feira, 22, ofícios às quatro farmácias conveniadas no...

Últimas Notícias