18 ℃

Cultura

O samba pede passagem: Governo de MS valoriza cultura e investe R$ 1,6 milhão no Carnaval

Por meio da FCMS o Governo assinou o termo de fomento que disponibiliza R$ 1,6 Milhão para a promoção das duas maiores festas de MS: Corumbá e Campo Grande.

Qui, 19 Janeiro de 2023 | Fonte: Karina Vilas Boas/Comunicação MS - Com FCMS


O samba pede passagem: Governo de MS valoriza cultura e investe R$ 1,6 milhão no Carnaval
Arquivo/Prefeitura de Corumbá

O grito de carnaval como todo bom brasileiro sabe, antecede a maior e mais tradicional festa nacional. Em cada canto do país é uma festança diferente, cheia de cor, música, cultura e samba no pé. Em Mato Grosso do Sul não é diferente do restante do país e foi pensando nesta grande festa popular que o Governo do Estado, por meio de sua Fundação de Cultura (FCMS), assinou o termo de fomento que disponibiliza R$ 1, 6 milhão para a promoção das duas maiores festas que acontecem em MS: Corumbá e Campo Grande.

As Ligas Independente das Escolas de Samba de Corumbá (Liesco) e Independente dos Blocos Carnavalescos de Corumbá (Liblocc) vão promover o carnaval de rua e o desfile das escolas de samba da Cidade Branca, enquanto a Liga das Entidades Carnavalescas de Campo Grande (Lienca) promoverá a festa da Corte de Momo na Cidade Morena.

Segundo o governador de Mato Grosso do Sul, Eduardo Riedel, a festa popular movimenta a economia e o turismo do Estado e o Governo não poderia deixar de participar, através deste fomento da Secretaria de Estado de Turismo, Esporte, Cultura e Cidadania (SETESCC). “Investir em cultura é investir em inclusão, além disso, o Carnaval significa fomentar o turismo e a economia dos municípios”, disse Eduardo Riedel.

O secretário da pasta mais transversal do Governo do Estado, a SETESCC, que é responsável pela FCMS, Marcelo Miranda, ressaltou que a nova formatação da Secretaria foi pensada para fomentar e valorizar a cultura brasileira e sul-mato-grossense. “A nova formatação da SETESCC foi pensada para integrar as políticas públicas do governo, e o carnaval, festa popular que valoriza nossa cultura, traz entretenimento e fomenta o turismo tem um papel muito importante nesse novo momento.", explicou Marcelo Miranda.

Já o diretor presidente da FCMS, Max Freitas salienta a importância, o apelo cultural e o benefício que o carnaval traz para o Estado: “O carnaval é uma festa que apoia o comércio local e aumenta o fluxo turístico nas cidades. O investimento na cultura e os recursos que a folia geram ficam para os municípios e para o Estado, além de podermos contribuir com este momento de lazer e acesso cultural para a população e festas cheias de atrações”, conclui Marx Freitas.

Campo Grande

O lançamento da folia na Capital, que tem a organização da Prefeitura Municipal e da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, acontece na próxima sexta-feira (20), às 19h, no Armazém Cultural, que fica na Av. Calógeras, 3065 – Centro.

Corumbá

A Cidade Branca realiza historicamente o maior carnaval do Estado e o lançamento, que tem a organização da Prefeitura Municipal e da Fundação da Cultura e do Patrimônio Histórico de Corumbá, acontece no dia 31 de janeiro, terça-feira, às 18h30, no Centro de Convenções do Pantanal Miguel Gómez, que fica no Porto Geral, na Rua Domingos Sahib, 570 – Centro.

Correio de Corumbá

SIGA-NOS NO Correio de Corumbá no Google News

 
 
 

Veja Também

A VOLTA DA FOLIA

  Os Cordões Carnavalescos Paraíso dos Foliões, Flor de Corumbá, Cinelândia e Cravo Vermelho podem ser declarados Patrimônio Cultural Imaterial de Corumbá. F...

Com R$ 7 mil de premiação, está aberta inscrição para Corte de Momo do Carnaval de Corumbá

A Prefeitura, por meio da Fundação da Cultura e do Patrimônio Histórico, abriu nesta quinta-feira, 12 de janeiro, as inscrições para a Corte de Momo do Carna...

E VENHA O CARNAVAL

Em agosto de 2020 foi declarado o Carnaval de Corumbá como patrimônio imaterial, histórico, artístico e cultural de Mato Grosso do Sul. Em 2021, na época era...