33 ℃

Economia

Em MS, micro e pequenas empresas sustentam saldos de empregos no mês de novembro

Análise é do Sebrae a partir de dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados

Qua, 11 Janeiro de 2023 | Fonte: Da Assessoria/Sebrae-MS


De acordo com o estudo divulgado pelo Sebrae este mês, tendo por base os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), as micro e pequenas empresas (MPE) sustentaram o saldo de empregos formais no mês de novembro de 2022. Em Mato Grosso do Sul, entre demissões e contratações, o resultado foi de 1.758 vagas. No mesmo período, os pequenos negócios apresentaram saldo de 1.863 postos formais.

O resultado de empregos no mês de novembro no estado considera ainda 61 vagas nas médias e grandes empresas (MGE) e, na administração pública, nove postos. Segundo o estudo, para os 1.758 empregos totais em MS, considera-se o saldo negativo de 175 postos de pessoas físicas (CPFs) que empregam outras pessoas.

Em MS, micro e pequenas empresas sustentam saldos de empregos no mês de novembro

Na visão do diretor-superintendente do Sebrae/MS, Claudio Mendonça, o destaque novamente pertence às micro e pequenas empresas. “O pequeno negócio é geralmente o grande gerador de empregos, sendo o responsável pelo primeiro emprego, em muitas vezes. É importante ressaltar a importância do pequeno negócio também na inclusão das pessoas pelo trabalho, gerando assim mais massa de consumo, ou seja, pessoas com capacidade de comprar, estabelecendo um ciclo dentro da economia”, disse.

Ainda no mês de novembro, o setor de Comércio das Micro e Pequenas Empresas foi o grande gerador de empregos em Mato Grosso do Sul, com saldo de 841 postos. O setor de Serviços, principal responsável pela geração de emprego ao longo do ano, ficou em segundo lugar com saldo de 430 vagas, seguido por Construção (355), Extrativa Mineral (177) e Indústria da Transformação (83).

“O Fim de Ano faz com que o comércio se fortaleça, por conta das comemorações. Isso é somado a outros setores como a construção civil, que movimentam a economia do estado nesse ambiente favorável encontrado em Mato Grosso do Sul”, complementa Mendonça.

O saldo acumulado de janeiro a novembro de 2022 foi de 46.906 postos de trabalho em MS. Deste total, os pequenos negócios foram responsáveis por 36.011 empregos. No mesmo período, o resultado nas médias e grandes empresas foi de 8.582 oportunidades e na administração pública, 335.

O estudo completo contém ainda dados em nível nacional, e pode ser conferido no Data Sebrae. Mais informações aos empreendedores pela Central de Relacionamento do Sebrae, no número 0800 570 0800.

Correio de Corumbá

SIGA-NOS NO Correio de Corumbá no Google News

 
 
 

Veja Também

Sebrae abre agenda de capacitações online para empreendedores em janeiro

Para quem deseja começar 2023 focado em se capacitar e impulsionar seu negócio, o Sebrae/MS está com agenda de cursos e oficinas online aberta. Realizadas de...

Brasil Mais: Sebrae/MS abre inscrições para programa voltado à inovação e produtividade

Estão abertas as inscrições para o primeiro ciclo de 2023 do programa Brasil Mais, destinado a Microempresas (ME) e Empresas de Pequeno Porte (EPP). Os inter...

Mercado de games é um dos que mais cresce no Brasil, confira cenário em Mato Grosso do Sul

O mercado de games é um dos que mais movimenta a indústria criativa no Brasil, atualmente. Segundo dados consolidados da consultoria Newzoo, o país é o terce...