28 ℃

Saúde

Para secretário de saúde de MS, jeito de cuidar da Cassems é modelo a ser seguido em todo estado

Responsável pela pasta, participou de solenidade de inauguração dos 25 novos leitos do Hospital Cassems de Campo Grande

Sex, 03 Fevereiro de 2023 | Fonte: Da Assessoria


A Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul (Cassems) realizou na segunda-feira (30), a solenidade de inauguração dos 25 novos leitos – 19 leitos de oncologia clínica e 6 leitos de cuidados intermediários e de terapia semi-intensiva – do Hospital Cassems de Campo Grande. Participaram do evento, além da diretoria e conselheiros da Cassems, o secretário de Saúde do Estado, Maurício Simões Corrêa, representando o governador de Mato Grosso do Sul Eduardo Riedel.   

O secretário de Saúde parabenizou a Cassems por mais essa realização e destacou a importância da inauguração de novas ofertas de leitos que priorizam a assistência à saúde humanizada. Iniciativa que servirá de modelo para a gestão pública de saúde em todo estado. 

“É muito gratificante inaugurarmos novas alas, novas ofertas de assistência à saúde, principalmente quando ela vem com essa construção de que assistência à saúde não é só médico, medicamento, é também o carinho, acolhimento e eu achei que vocês estão absolutamente no caminho certo, é mais uma experiência que vou tentar levar para a saúde pública. Eu tenho dito que esse esforço coletivo é que constrói saúde de qualidade. E não há a menor dúvida, da importância que a Cassems tem na assistência à saúde do nosso estado”, afirma Maurício Simões Corrêa. 

Com a ampliação de 700 m² , na estrutura da unidade hospitalar que passa a contar com 159 leitos, para oferecer mais conforto, acolhimento e segurança para os beneficiários e pacientes do Hospital Cassems de Campo Grande. E atende à demanda, que surgiu a partir da verticalização na saúde feita pela Caixa dos Servidores, isto é, quando a Cassems passou a realizar todos os serviços de oncologia. Por meio da Rede Amo, beneficiários e pacientes recebem atendimento especializado com profissionais da área altamente capacitados, equipe multidisciplinar e tecnologia de ponta para diagnóstico, tratamento e prevenção de todos os tipos de câncer. 

Para secretário de saúde de MS, jeito de cuidar da Cassems é modelo a ser seguido em todo estado
Solenidade de inauguração dos 25 novos leitos do Hospital Cassems de Campo Grande - Foto: Divulgação

“A partir do momento que nós temos aumentado o fluxo de pacientes para garantir a qualidade, nós precisamos investir aumentando o número de leitos. Com certeza, isso vai oportunizar novos serviços, como da oncologia, como da fisioterapia, garantindo ao paciente a melhor assistência à saúde e é isso que nós temos sempre como meta”, destaca o presidente da Cassems, Ricardo Ayache. 

O diretor administrativo do Hospital Cassems de Campo Grande, Alessandro Depieri, ressalta a importância do novo espaço dedicado para a oncologia clínica, cuidados paliativos e terapia semi-intensiva. “Essa entrega é muito importante porque, baseado na verticalização da oncologia, nós tivemos no final do ano passado e início desse ano um incremento no número de internações em oncologia clínica e com esse espaço a gente organiza esse fluxo e abre a possibilidade de novos leitos para as demais comorbidades”, explica Depieri.

Para o diretor clínico do Hospital Cassems Campo Grande, Marcos Bonilha, a entrega dos novos leitos representa a concretização de um sonho ao mesmo tempo em que reforça o compromisso da Cassems de oferecer qualidade na assistência à saúde e humanização.  “Começamos com um 'embriãozinho', e está aqui hoje, entregue, um lugar espetacular para atender nossa demanda. Com leitos modernos e bem equipados, e que vai acolher de maneira humana o paciente”, pontua. 

Carinho e cuidado

A médica cancerologista pediatra e coordenadora da Rede Amo, Rafaela Siufi, ressalta algumas ações de carinho e cuidado implantadas na ampliação do Hospital Cassems de Campo Grande, que incluem desde uma área verde até um espaço para o paciente receber terapias integrativas enquanto estiverem internados. 

“Essa nova ala, especificamente voltada para nossos pacientes oncológicos, traz todo um atendimento diferenciado, como uma área verde. Outra ação, como já fazemos no hospital, é a visita dos pets. Então, os pets vão ter uma área externa para poder estar convivendo com seus tutores enquanto eles estão internados. Teremos terapias integrativas aqui dentro também, quando os pacientes estiverem aqui vão poder receber reiki, acupuntura, práticas de meditação, massagem tudo que possa trazer conforto para nosso paciente”, ressalta. 

Siufi pontua ainda outro diferencial da ampliação pensando no bem-estar e acolhimento dos pacientes internados na área. “Colocamos na entrada um aroma, para os pacientes ficarem confortáveis, assim, tiramos aquele cheiro característico de hospital. Então, esse ambiente foi construído para ser especial para o nosso paciente oncológico, para que ele possa ser acolhido por uma equipe especializada, oferecendo conforto, qualidade e dignidade para o tratamento desse paciente”, ressalta a coordenadora da Rede Amo. 

Para o médico oncologista da Rede Amo, Lucas Vian, os novos leitos ressaltam o empenho e o olhar diferenciado de toda a gestão em oferecer o melhor atendimento para pacientes oncológicos. O médico oncologista destaca ainda um outro espaço pensado especialmente para pacientes e familiares.

“Esse setor ratifica essa visão, com a sala de comunicação de notícias difíceis onde a gente vai poder comunicar os familiares sobre a jornada do paciente. E o espaço verde que ajuda tanto os profissionais a dar uma respirada para conseguir se dedicar mais para nossos pacientes como também para o paciente que está nesse momento difícil da vida dele, conseguir vir, contemplar a natureza, respirar e ganhar força para continuar o tratamento”, reflete Vian. 

Jardim do movimento

A ampliação conta com o Jardim do Movimento, uma área verde que tem como horizonte o céu e a copa das árvores e que, segundo a fisioterapeuta intensivista e coordenadora da equipe de fisioterapia da unidade hospitalar, Andréa Luiza Riccó, é um espaço inovador e contribui para elevar a autoestima do paciente, melhorar a relação com os familiares e com a recuperação do paciente internado. 

“Os pacientes às vezes ficam internados de um a dois meses, em muitos casos sem ver o dia, sem sentir o sol, sem sentir uma brisa. Então assim, essa área para exercícios faz diferença na recuperação do paciente. E não só a parte estrutural, que é a parte da academia, dos exercícios que ele vai fazer, mas o ambiente. A proposta desse Jardim do Movimento é criar um ambiente que elevasse o paciente, que fosse confortável, que fosse gostoso, que ele quisesse vir para cá, que saísse um pouco daquele ambiente que é o hospital”, conclui Riccó. 

Correio de Corumbá

SIGA-NOS NO Correio de Corumbá no Google News

 
 
 

Veja Também

Hospital Cassems de Campo Grande recebe certificação nacional de Acreditação Plena

O Hospital Cassems de Campo Grande recebeu Acreditação Plena da Organização Nacional de Acreditação (ONA). O ONA 2 foi o segundo certificado recebido pela un...

Cassems Itinerante: confira calendário do programa para janeiro

A agenda de janeiro do projeto “Cassems Itinerante” - que faz parte das ações de prevenção promovidas pela Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de M...

Campanha Antigripe: pagamento da dose de vacina pode ser feito até o dia 18, via Pix

A Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul (Cassems) prorrogou o prazo do pagamento da dose da vacina Antigripe, via Pix, para até...

Beneficiários são convocados para votar em processo eleitoral realizado em março

A Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul (Cassems), realiza no dia 1º de março, em todas as unidades de atendimento em Mato Gros...

Últimas Notícias